Seguidores

Pesquisar neste blog

Meus blogs :

terça-feira, 16 de março de 2010

Aprendizado Afro-Ori, Ebó, Oferendas

ORI

Orí na linguagem YORUBÁ significa “cabeça”.
No Alto Candomblé da Nação KETU, nós aprendemos que o ORI é aquilo que controla o destino de toda pessoa.
O ORI é a sede principal do AXÉ de seu ORIXÁ, e também, é a sede principal dos atos do ser humano.
Ebori é uma cerimônia bastante conhecida e significa um ritual de "dar comida ao orí de alguém", com o objetivo de fortalecer, concertar desarmonias, equilibrar alguém. Muitas pessoas têm certo receio de fazer um EBORI numa determinada casa de Candomblé, pois pensa que ficará obrigada a um compromisso definitivo com aquela casa.
Isso NÃO É verdade, pois o EBORI jamais vincula a pessoa com a casa de Candomblé.
Qualquer ser humano pode dar um ebori sem necessariamente vincular-se ao local que lhe fez a oferenda ou ao compromisso de ter que freqüentar o culto ou se tornar um iniciado.
.


EBÓ

Os Ebós são uma série de rituais que visam corrigir várias deficiências na vida de um ser humano (saúde, amor, prosperidade, trabalho profissional, equilíbrio, harmonia familiar, etc.). A composição de cada ebó depende de sua finalidade e seus componentes irão desde bebidas, frutas, folhas, velas, adornos, alimentos secos, mel, dendê, louças, artefatos de barro ou ágata.
Os EBÓS têm grande importância para o ALTO CANDOMBLÉ. Eles são como uma súplica para se alcançar uma graça.
Mesmo os EBÓS mais simples de serem feitos envolvem um profundo conhecimento dos fundamentos do ALTO CANDOMBLÉ, pois absolutamente nada pode sair errado ou desconsiderado.
É de total obrigação de uma GUARDIÃ DE ORIXÁ deve neste momento saber escolher e adquirir os alimentos e presentes que compõem o EBÓ.
Fora isso, quando uma GUARDIÃ DE ORIXÁ está na cozinha do santo (que deverá estar muito limpa e na mais perfeita ordem) a GUARDIÃ deverá estar completamente vestida de branco, cabeça coberta, preparando os alimentos no mais profundo silencio, e sem nenhum tipo de interrupção.
Na cozinha impecavelmente limpa, a Guardiã de ORIXÁ está em um momento “especial”, focada no seu trabalho e nos fundamentos específicos do Candomblé para o correto preparo daquele prato, sempre em posição de total respeito ao ORIXÁ.
Muitas vezes também acontece do próprio ORIXÁ que vai receber aquele EBÓ “encostar suas energias” na Guardiã e solicitar alguma alteração em determinada preparação.
Mas o maior problema está na hora de “arriar um EBÓ”, pois esta é uma ação ritualística, um processo detalhado de aproximação e de maior troca de energias com o ORIXÁ. Somente as pessoas iniciadas na religião é que podem e devem fazê-lo pois arriar um EBÓ envolve um conhecimento muito profundo do lugar, do dia e da hora que isso deve ser feito.
Eu sempre costumo dizer que “arriar um EBÓ” significa perpetuar a troca do AXÉ entre os dois mundos, o sagrado e o profano. É a parte dinâmica das transferências entre o ORIXÁ e a pessoa que necessita aquele EBÓ.

A palavra ebó significa sacrifício. O ebó é usado para os mais variados casos, ou seja, cada situação de dificuldades, doenças, amor, requer um ebó para que haja o equilíbrio.

Eu vou descrever alguns ebós para solucionar determinados casos:

Ebó para casar

Material:

01 tigela branca

01 par de alianças

01 foto do casal

1/2 kg de açúcar cristal

1/2 kg de arroz com casca

02 velas

1/2 m de fita cor-de-rosa

Como fazer:

No fundo da tigela, colocar a foto do casal. Em cima da foto, colocar o par de alianças. Cobrir esta foto e estas alianças com açúcar cristal e por último cobrir tudo com o arroz com casca. Depois, unir as duas velas e amarrá-las com a fita cor-de-rosa e acendê-las pedindo a Yemanjá união e casamento.

Ebó para emprego

Material:

Fazer 04(quatro) farofas, sendo:

01 de dendê

01 de mel

01 de cachaça

01 de água

Como fazer:

Colocar estas farofas cada uma em cima de uma folha de mamona e ao lado acender uma vela com uma moeda e pedir a Exu abertura de caminhos.

EBÓ para saúde

Cozinhar bem uma canjica com açúcar cristal. Colocar o nome da pessoa doente num papel em branco 08(oito) vezes a lápis e cobrí-lo com a canjica fria. Depois, cobrir com algodão e ao lado acender uma vela de 07(sete) dias pedindo à Oxalá que dê saúde.


OFERENDAS

A OFERENDA É O GRANDE AGRADECIMENTO A UM DETERMINADO ORIXÁ POR UM PEDIDO FEITO ATRAVÉS DE UM EBÓ.
A coisa mais comum que acontece e é onde a pessoa comete seu maior erro é que a pessoa simplesmente se esquece de AGRADECER ao Orixá depois de conquistar o que pediu num EBÓ.
Isto é um perigo, pois no ALTO CANDOMBLÉ a lei é a do ORIXÁ e aquilo que um ORIXÁ DÁ , O ORIXÁ PODE TIRAR...
Chamamos de OFERENDAS os rituais compostos de frutas, alimentos, bebidas, flores, louças e adereços que servem para oferendar aos Orixás, bem como para homenagear e cultuar um Orixá.
Com isso, nós estamos FORTALECENDO mais ainda os nossos vínculos com o ORIXÁ.
Os fundamentos para a preparação de uma OFERENDA obedecem aos mesmos cuidados do EBÓ, devendo sempre ser preparada por uma GUARDIÃ DE ORIXÁ que cuida dos mínimos detalhes, pois mesmo nas OFERENDAS absolutamente nada pode sair ou ser preparado erroneamente.
Cada Orixá tem seus alimentos respectivos, suas flores, suas cores, suas bebidas e sua forma particular de culto, orações e invocações. A minha meta é divulgar a maravilhosa religião de Orixá e ajudar a todos que me procuram.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Zambra Gitana :

Zambra Gitana :
Apperley, Pintor : George Owen Wynne (1884-1960) - Zambra gitana - A Zambra, ou Flamenco árabe é, portanto, a fusão de movimentos de danças de povos nômades ancestrais.

Dança Flamenca!

Dança Flamenca!
Apperley, Pintor : George Owen Wynne (1884-1960) - Danza Flamenca

Velas Ciganas Coloridas!

Velas Ciganas Coloridas!
A Cultura cigana e seu contraste de cores,de suprema riqueza!

Sereia da Praia;

Sereia da Praia;
Sereias o Povo Mítico dos Oceanos,damas dos Lagos,Senhoras do Mar

Mulher Índia - Quadro Pintado pelo Artista Italiano Milo Manara.

Mulher Índia - Quadro Pintado pelo Artista Italiano Milo Manara.
Índia Xamã - Feiticeira de sua Tribo - Sacerdotisa das forças da natureza - Luz em Meio a Floresta !

Iemanjá

Iemanjá

♥♥♥Indiana♥♥♥

♥♥♥Indiana♥♥♥
♥♥♥♥♥♥♥♥

Iansã - Divindade Africana

Iansã - Divindade Africana

Cigana Esmeralda ;

Cigana Esmeralda ;
Bailando com o Pandeiro;

Amor do Egito !

Amor do Egito !

Velas de Umbanda;

Velas de Umbanda;

Fênix

Fênix
Senhora das Profecias !

Velas Coloridas entre as Frutas;

Velas Coloridas entre as Frutas;
♥ ♠ ♣ ♦

Quiromancia !

Quiromancia !
A Arte de ler as Mãos!

Sereia.

Sereia.