Seguidores

Pesquisar neste blog

Meus blogs :

sexta-feira, 13 de dezembro de 2013

Dezembro - Mês das Iabás

Axé a todos !!!!! Saravá pra quem é de Saravá.
Salve o Povo da Umbanda. Salve os Filhos de Fé. Salve os Filhos de Pemba.



O mês de dezembro é considerado por terreiros umbandistas o mês dos encerramentos de suas atividades, o período de renovação de votos, ou de obrigações, são amacis e pequenos reforços para abençoar a cabeça dos filhos. Esse também é o período que os centros dedicam-se a homenagens as mães da Umbanda, as Iabás. As Iabás são os Orixás Femininos cultuados, elas recebem oferendas e agradecimentos devido as santas que foram sincretizadas. O candomblé por sua vez cultua as Iyabás em Maio por ser mês das Mães.



As Iyabás são as mães, as santas, as mulheres guerreiras, as senhoras que povoam nosso ori, nosso interior espiritual. Na Umbanda são elas Oxum, Iansã, Iemanjá e Nanã. E no Candomblé são estas, com adição das não cultuadas em Umbanda, que seriam : Obá e Ewá.

Oxum, mãe doce, mãe amável, senhora das cachoeiras, pois seu domínio são as águas doces, dentre eles rios, lagos, riachos e lagoas. Oxum é vaidosa, é ciumenta, é bela e por ser mãe, os africanos a sincretizaram com as mães da igreja católica, pois identificaram que Nossa Senhora da Conceição, Nossa Senhora do Carmo, Nossa Senhora Aparecida, entre outras, são para os devotos, mães que os abençoam e protegem através de seu manto sagrado. Cada lugar no País cultua Oxum na umbanda de alguma forma, não importa se tem em seu altar, Nossa Senhora da Conceição ( Rio de Janeiro) ou Nossa Senhora Aparecida ( São Paulo) todos veneram a Senhora Dourada, Mãe acolhedora que é Osun.




Só temos que ter consciência de que Oxum é Oxum, e Nossa Senhora é Nossa Senhora. O sincretismo foi apenas um artificio dos Escravos em sua época, para que perdurasse suas tradições Religiosas. Após muitos anos de luta e discriminações, eles conseguiram separar a figura católica do seu culto afro, ainda que alguns sigam a liturgia católica para os festivos e dedicações, assim como se faz no candomblé do recôncavo baiano. A Bahia berço do Candomblé genuinamente Brasileiro, pois o culto é completamente diferente do Africano, é um dos lugares que tem muito arraigado tradições unindo a fé católica e a crença aos Orixás. Exemplo maior que a Lavagem da Igreja do Bonfim e as Homenagens a Oyá no dia 04 de dezembro provam isso.


Mas voltando a falar de Umbanda, Dezembro é o mês que muitos umbandistas consideram para reverenciar suas Santas Iyabás, e é por isso que fiz essa breve postagem, para falar delas.  Abrirei uma série de Postagem falando das Iyabás da Umbanda e do Candomblé.








Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Zambra Gitana :

Zambra Gitana :
Apperley, Pintor : George Owen Wynne (1884-1960) - Zambra gitana - A Zambra, ou Flamenco árabe é, portanto, a fusão de movimentos de danças de povos nômades ancestrais.

Dança Flamenca!

Dança Flamenca!
Apperley, Pintor : George Owen Wynne (1884-1960) - Danza Flamenca

Velas Ciganas Coloridas!

Velas Ciganas Coloridas!
A Cultura cigana e seu contraste de cores,de suprema riqueza!

Sereia da Praia;

Sereia da Praia;
Sereias o Povo Mítico dos Oceanos,damas dos Lagos,Senhoras do Mar

Mulher Índia - Quadro Pintado pelo Artista Italiano Milo Manara.

Mulher Índia - Quadro Pintado pelo Artista Italiano Milo Manara.
Índia Xamã - Feiticeira de sua Tribo - Sacerdotisa das forças da natureza - Luz em Meio a Floresta !

Iemanjá

Iemanjá

♥♥♥Indiana♥♥♥

♥♥♥Indiana♥♥♥
♥♥♥♥♥♥♥♥

Iansã - Divindade Africana

Iansã - Divindade Africana

Cigana Esmeralda ;

Cigana Esmeralda ;
Bailando com o Pandeiro;

Amor do Egito !

Amor do Egito !

Velas de Umbanda;

Velas de Umbanda;

Fênix

Fênix
Senhora das Profecias !

Velas Coloridas entre as Frutas;

Velas Coloridas entre as Frutas;
♥ ♠ ♣ ♦

Quiromancia !

Quiromancia !
A Arte de ler as Mãos!

Sereia.

Sereia.